Recentemente circularam informações de que a vacina para Covid-19 do laboratório Moderna teria efeitos adversos em pessoas com preenchimento facial ou labial.

Tendo em vista a liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a vacinação emergencial da Coronavac/Sinopharm e Astrazeneca/Oxford, é importante trazer alguns esclarecimentos da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD).

– Os possíveis efeitos colaterais da administração das vacinas em geral, incluindo a vacina da Covid-19, são respostas causadas pela estimulação do sistema imunológico, variando individualmente.

 – Há relatos de dois casos de reações a preenchedores em um universo de 30.418 pacientes vacinados. A ocorrência é de 0,006% numa população geral, o que não se considera estatisticamente significativo.

– Os efeitos colaterais se caracterizam pela presença de sinais inflamatórios como edema (inchaço), eritema (vermelhidão), calor local e dor, na área de preenchimento prévio e, em geral, respondem bem aos tratamentos, que devem ser determinados individualmente para cada caso.

– Os efeitos, além de raros, são transitórios e benignos, não configurando uma contraindicação para receber qualquer tipo de vacina.

“Cabe lembrar que a vacina é uma grande aliada da saúde e que cada paciente pode ter especificidades para o uso do medicamento. Por isso, a conversa com o médico é muito importante. É importante também frisar que no primeiro momento não haverá vacina para todo mundo e por isso, manter o distanciamento social, higienização das mãos e uso de máscara continuam sendo medidas preventivas de grande importância”, destaca a dermatologista Solange Emanuelle. 

Dra. Solange Emanuelle Volpato
Dermatologia | CRM/SC 15086 | RQE 16474

Centro Catarinense de Cardiologia – Telefone (48) 3222-1798
Whatsapp (48) 9132-5995

Faça contato para saber sobre planos de saúde e formas de pagamento.